Brinquedos reutilizando embalagens


PicMonkey Collage

Brinquedos ecológicos de verdade!

Já viu a cena, né? Você dá um brinquedo a um bebê, e ele se encanta mais com a embalagem que com o presente! Na semana passada os brinquedos preferidos da Júlia foram estes: um chocalho que fiz com uma garrafinha plástica e macarrãozinho de sopa, e uma caixa de tampas de potes plásticos – idéia da vovó.

Não precisarmos gastar uma fortuna com brinquedos para as crianças. Principalmente bebês. Eles se encantam com qualquer coisa!

E em homenagem à criatividade em lugar das compras, estamos inaugurando um mural no Pinterest, para colecionar boas idéias de brinquedos sustentáveis. Está ficando demais! 😀

Anúncios

Separando e entregando lixo reciclável


A cada duas semanas, mais ou menos, lá vamos nós entregar o lixo reciclável num dos pontos de coleta. Ficamos contentes por esse ato de cidadania. mas bem que ele poderia ser mais fácil, não? Temos de rodar 4 km de carro, contando ida e volta, pra entregar o lixo. E as aberturas das lixeiras são uma coisa, digamos…meio sem noção, né? A gente tem praticamente de enfiar o braço para encaixar os resíduos, e muitas caixas e vasilhas não passam. Resultado? O povo vai deixando ao pé da lixeira o que não cabe.

lixo

Pensei: será que não tem um jeito melhor? E saí procurando no Google outros modelos. Uns são bem charmosos, mas a praticidade é o que tem de mandar. se você fosse prefeito, qual escolheria  para sua cidade?

PicMonkey Collage

 

Sesc troca resíduos eletrônicos por voucher aéreo!


Autor desconhecido - se é vc, me avise! :)

Pessoal, uma ótima notícia! O SESC-MG, em parceria com a companhia aérea Azul, lançaram uma campanha para recolher resíduos eletrônicos!

E ô trem chato esse de procurar postos de coleta desses resíduos, não é não, gente?! Agora além de se livrar deles de forma ecologicamente correta, você ainda ganha!

Precisamos de mais Iniciativas como essa! Afial, o que é lixo para uns, é riqueza para outros! Nossos resíduos valem dinheiro, são matéria prima que a natureza e levou tempo pra gerar e que nós gastamos para obter.

Abaixo as informações da campanha.  Parabéns, Azul e SESC!!

Obs; Este não é um post pago!

Nas últimas décadas, o meio ambiente tem sofrido um prejuízo gigantesco com o aumento do descarte incorreto de resíduos, principalmente os eletrônicos. Isso tudo faz parte do processo das constantes mudanças sociais e revoluções tecnológicas, que agora fazem parte do nosso cotidiano.

Boa parte da população sabe que os resíduos eletrônicos não devem ser descartados no lixo comum. O que talvez não saibam é que o Sesc recebe esses resíduos e se responsabiliza pelo seu descarte correto. Até 05 de junho, as unidades do Sesc receberão baterias, celulares, monitores, impressoras, entre outros resíduos, que podem estar em qualquer estado de conservação.

Os materiais arrecadados serão tratados, reciclados e, se necessário, descartados, conforme a atual legislação ambiental. Segundo o Eniac, projeto parceiro do Sesc, reciclagem dos eletrônicosdiminui a necessidade de extração de materiais da natureza, evitando a contaminação do meio ambiente.
E tem mais. A cada item doado, o participante da ação ganha um voucher no valor de R$ 50,00, para ser usado nas compras de passagens aéreas da companhia Azul Linhas Aéreas. (Consulte o regulamento no site do projeto).
A ação é uma parceria com a ONG Instituto Brasileiro de Turismólogos (IBT), entidade que congrega egressos do curso superior de bacharelado em turismo, promovendo projetos de sustentabilidade.
O que destinar na troca por voucher: celulares, aparelhos de fax, notebooks, computadores, estabilizadores, monitores (tubo, led e cristal líquido) gabinetes (CPUs), impressoras e scanners.
O que destinar sem troca de voucher: teclados, cabos, disquetes, mouses e demais acessórios.

SERVIÇO

Evento: Troca de resíduos eletrônicos por vouchers áereos.
Data: Até 05/06/2013.
Horário: 8h às 18h.
Locais:
– Sesc Centro Cultural JK (Rua Caetés, 603 – Centro)
– Sesc Desportivo (Rua Teófilo Otoni, 433, Carlos Prates – Belo Horizonte).
– Sesc Floresta (Rua Pouso Alegre, 1.647, Floresta – Belo Horizonte).
– Sesc Santa Quitéria (Rua Santa Quitéria, 566, Carlos Prates – Belo Horizonte).
– Sesc Venda Nova (Rua Maria Borboleta, s/nº, Letícia/Venda Nova – Belo Horizonte).
– Sesc Almenara (Rodovia BR 367, Km 92, Cidade Nova – Almenara).
– Sesc Governador Valadares (Av. Veneza, 877, Grã-Duquesa – Governador Valadares).
– Sesc Bom Despacho (Av. Maria da Conceição del Duca, 150, Vilaça – Bom Despacho).
– Sesc Contagem-Betim (Rua Padre José Maria Demam, 805, Novo Riacho – Contagem).
– Sesc Januária (Av. Aeroporto, 250, Aeroporto – Januária).
– Sesc Paracatu (Rua Euridamas Avelino Barros, 347, Lavrado – Paracatu).
– Sesc Santa Luzia (Av. Brasília, 3505, São Benedito – Santa Luzia).
– Sesc Araxá (Rua Dr. Edmar Cunha, 150, Santa Terezinha – Araxá).
– Sesc Juiz de Fora (Av. Barão do Rio Branco, 3.090, Centro – Juiz de Fora).
– Sesc Pousada Juiz de Fora (Rua do Contorno, s/nº, Nova Califórnia – Juiz de Fora).
– Sesc Montes Claros (Rua Viúva Francisco Ribeiro, 200, Centro – Montes Claros).
– Sesc Poços de Caldas (Rua Paraná, 229, Centro – Poços de Caldas).
– Sesc Sete Lagoas (Rua Francisco Vicente, 23, Papavento – Sete Lagoas).
– Sesc Teófilo Otoni (Av. Bernarda Barbosa Laender, 146, Centro – Teófilo Otoni).
– Sesc Uberaba (Rua Ricardo Misson, 411, Centro – Uberaba).
– Sesc Uberlândia (Rua Benjamim Constant, 844, Aparecida – Uberlândia).
– Sesc Saúde São Francisco (Rua Viana do Castelo, 490, São Francisco – Belo Horizonte).

As unidades Sesc Palladium e Sesc Mineiro Grussai Centro de Turismo não participam da campanha.

 Fonte: SOUBH 

Mix in a jar – receita no pote


Acabei decidindo o que fazer-dar para a mamãe nesses dia das mães. Um presente simples, rápido e carinhoso: uma receita no pote (mix in a jar)!

De quebra, acabei fazendo um esfoliante para ela também, com óleo vegetal, limão e açúcar cristal.

E, para a irmã, uma receita-no-pote de cookies de chocolate, nossa rceita favorita desde pequenas. Ela fala do presente aqui.

Uma idéia charmosa 🙂

E o que era lixo ficou chique!


[este post era pra ter sido publicado ontem, mas o pc me boicotou! :/]

Olá, pessoal! 🙂

Para encerrar nosso desafio sobre cuidar do nosso “lixo” (que não é lixo!), estamos postando fotos da minha mãe, a artista plásticas Marilucia Guilen (vejam aqui o blog dela). Inspirada pelo nosso desafio, ela criou, veja só, embalagens chamosíssimas para lembrancinhas, com potes de margarina!

Basta limpar bem com detergente e água quente, esfregar com esponja de palha de aço até sair o desenho, e então enfeitar com retalhinhos de pano e fitas.

Recheie com biscoitos, brigadeiros ou bombons e presenteie! 🙂 Ótima idéia para as festas de fim de ano, hein?!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Outra idéia simples e eficiente é usar vidros de azeitona, palmito e geléia para organizar a despensa. Em vez de jogá-los fora e comprar recipientes de plástico, muito melhor é higienizá-los bem e usá-los para armazenar milho de pipoca, maizena, fubá, etc. Basta deixar os vidros de molho em água morna e raspar os rótulos, lavar e deixar secar bem.

E mais tarde, nosso desafio de novembro! não percam!

O que fazer com o lixo eletrônico? Corre, até 26 de outubro!


Este slideshow necessita de JavaScript.

Pessoal muita gente fica sem saber o que fazer com aquele monitor velho ou o mouse que parou de funcionar. Pois é, estamos falando de lixo eletrônico.

Em breve vamos postar um post sobre o tema, mas pra antecipar e aproveitar a oportunidade, segue um artigo sobre o tema e uma boa informação. Os metrôs de algumas capitais, inclusive BH, vão receber esse tipo de material até o dia 26 de outubro.

Fassa uma revisão nos seus equipamentos. Aquilo que realmente você não for usa e não servir para mais ninguem, leve para o metrô.

No domingo tem mais.
Um abraço.
Dan

Noticia do MMA — Paulenir Constâncio

Em Brasília, Belo Horizonte, São Paulo e Rio de Janeiro, consumidor poderá deixar em estações de metrô produtos eletrônicos que não funcionam mais, para reciclagem ou descarte. Iniciativa marca Mês do Consumo Sustentável

….
O que fazer com o incômodo lixo eletrônico? Em Brasília, Belo Horizonte, São Paulo e no Rio de Janeiro, de 12 a 26 de outubro, basta levar a uma estação de metrô (veja quais, abaixo). O material será reaproveitado ou descartado de forma correta, sem danos para o meio ambiente. O consumidor consciente desocupa espaço, se livra de quinquilharias inúteis e ainda ajuda a evitar problemas com contaminação, que pode resultar da deterioração em gavetas e armários.

Quem passar pelo metrô nas quatro capitais no sábado (15/10), Dia do Consumidor Consciente, vai poder acompanhar o lançamento simultâneo da iniciativa. Em Brasília, a abertura será feita pelo diretor do Departamento de Ambiente Urbano, Silvano Silvério. Em Belo Horizonte, pela diretora do Departamento de Produção e Consumo Sustentável, Laura Valente. Em São Paulo, pelo secretário de Recursos Hídricos e Ambiente Urbano, Nabil Bonduki; e, no Rio de Janeiro, pela secretária de Articulação Institucional, Samyra Crespo.

A ação é uma parceria entre o Ministério do Meio Ambiente, as Companhias do Metropolitano (Metrô) de São Paulo, Belo Horizonte e Brasília, a concessionária MetrôRio, o Carrefour, a Phillips do Brasil, a Oxil, empresa que atua no mercado de reciclados desde 1988, e a Descarte Certo. A expectativa é recolher pelo menos 50 toneladas de lixo eletrônico. Aquele celular que não funciona mais, a torradeira enguiçada que não vale a pena consertar, os ultrapassados videocassetes, computadores antigos, notebooks pifados e outros eletroportáteis vão direto para a reciclagem.

Coleta – O posto de coleta em São Paulo estará funcionando na estação do Tucuruvi, na Linha 1 Azul. No Rio, na Carioca, no centro; em Belo Horizonte, na Eldorado; e, em Brasília, o consumidor poderá deixar seus produtos eletrônicos na estação Galeria.Responsabilidade – Outubro foi escolhido pelo MMA como o Mês do Consumo Sustentável, uma oportunidade para que a população se conscientize da importância de dar destinação adequada ao lixo.

A ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, lembra que a participação da população é a base de tudo. “Nós, consumidores, somos parte da cadeia produtiva. Não tem como a gente se eximir da responsabilidade ambiental. A Constituição diz que cuidar do meio ambiente é dever de todos. É o nosso futuro que está em jogo.”

Anualmente são consumidos mais de 120 milhões de eletroeletrônicos no País. Pelo menos 500 milhões de produtos encontram-se sem uso na casa dos brasileiros. Esses produtos contém elementos como mercúrio, chumbo, fósforo e cádmio, que podem contaminar o ar, a água e o solo.

Mais informações:
http://hotsite.mma.gov.br/mesdoconsumosustentavel

Seguindo o desafio: Cuide bem do seu Lixo


Olá, pessoal!

Estamos quietinhos aqui, mas estamos super engajados no desafio do mês! Vejam só:

1º – Tiramos o lixo do armário: Com o tempo, tendemos a acumular coisas de que não precisamos. Livros, material de faculdade, recibos desnecessários, enfim, um tanto de tralha. Primeiro passo para lidar melhor com o lixo é  repensar o que é necessário e o que não é. Encaminhe os papéis para a reciclagem, as roupas em desuso para a doação. Resultado: sua casa e sua mente mais leve.

Armário mais leve e organizado - agora tudo se acha!
Material antigo de faculdade transformado em estoque de rascunho

2º -Upcycle para organização: Aproveitando a reorganização dos armários, usei umas caixas de papelão para criar divisórias para as gavetas de miudezas. Ainda vou encapar com papel contact colorido, e vamos ter um post especial para mostrar como ficou!

Organizadores feitos de papelão que ia ser jogado fora

3º – Destinamos o lixo reciclável do jeito certo: Depois de descobrir o ponto de coleta de recicláveis mais próximo de casa ou do trabalho, agora estamos inserindo em nossa rotina o transporte semanal do lixo reciclável. Agora, o serviço está completo.

Parte (!) do que foi despejado na arrumação - encaminhado pra reciclagem

4º – Elas chegaram!!! Finalmente, graças à Isabela Menezes, articuladora do movimento brasileiro de transição, conseguimos minhocas para acelerar nossa compostagem! Plano para o próximo fim de semana: montar nossa própria minhocasa.

Minhoca-u-ha-ha!

Adesivo reutilizável


Este fim de semana, no treinamento de Transition Towns, fiquei conhecendo o Blu-tack (devem ter outras marcas, mas ainda não conheço). É uma massinha adesiva reutilizável. Assim você pode substituir fita crepe por algo que não vai para o lixo tão rápido.

Fica a dica.

Eu acho que também deve ser possível fazer uma blu-tack caseira, com farinha e água, e talvez um pouco de cola branca…mas ainda não testei. Se alguém tem qualquer idéia sobre isso, compartilhe! 🙂

Dia das Crianças reciclando!


Este slideshow necessita de JavaScript.

Olá, pessoal!

Passo por aqui nese 12 de outubro para celebrar o dia das crianças! As crianças são felizes, criativas, livres, e têm muito a nos ensinar!

Nunca deixe de cercar-se de crianças, ela fazem bem a saúde e ao espírito!

Para comemorar este dia, e homenagear nosso sobrinho Henrique, que faz 7 anos na semana que vem, aqui vão fotos dos brinquedos que ele mesmo fez, reciclando materiais que iriam para o lixo!

Que tal montar brinquedos com embalagens para ensinar seus filhos, sobrinhos e netos sobre o valor de reduzirmos o nosso lixo? Em breve, postaremos um vídeo do Henrique, ele mesmo, ensinando como fazer!

Feliz Dia das Crianças

O que fazer com restos de sabonete?



Foto: Horia Varlan

Lá em casa, como bons ambientalistas (e pão-duros), usamos até a última gota hidratantes, pastas de dente e sabonetes.

É fácil espremer o tubo da pasta e cortar a embalagem do hidratante no meio (minha mãe ensinou isso e me surpreendi quanto do produto ia para o lixo!). Mas nada mais irritante que tentar equilibrar aqueles pedacinhos de sabonete no suporte e eles se quebrarem e irem direto para o ralo.

Pois ontem inventei uma forma de contornar o problema: acondicionando os pedacinhos em uma rede fina, tipo tule ou tecido tnt. Eu reutilizei uma daquelas toucas higiências descartáveis que se usa em cozinhas industriais. Você pode fazer uma trouxinha e enfeitar com uma fita se quiser caprichar. Se não, apenas dê um nó.

Molhe bem e a espuma sairá pelos poros do tecido. Você usa como uma esponja, que ao mesmo tempo que limpa, esfolia a pele.

 

Reciclagem do papai


Na última visita a meus pais, surpreendi-me com esta versão de chinelo-sapato-reciclad

Sabe aquel sapato já sem condições de sair à rua, mas que adaptou-se tão bem ao seu pé que você não quer largar de jeito nenhum? Que tal transformá-lo num confortável chinelão de inverno?

Simples, prático, confortável e útil! 🙂